Notícia

Wyandotte County Fair

Wyandotte County Fair


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

A Wyandotte County Fair é a maior feira de condado dos estados vizinhos de Kansas e Missouri. O grande evento atrai mais de 100.000 pessoas a cada ano. A Wyandotte County Fair fez sua primeira aparição em 1863. A primeira feira, em seu local permanente, foi realizada em 1955. Ao longo dos anos, a Wyandotte County Fair se estabeleceu como um local badalado para shows de música country. Os entretenimentos mais recentes, como shows de rodeio, passeios de carnaval selvagem e derby de demolição são atualmente os principais atrativos da multidão.


Festival do Renascimento de Kansas City

Festival do Renascimento de Kansas City é uma feira da Renascença realizada a cada outono em Bonner Springs, Kansas, Estados Unidos, próximo ao Sandstone Amphitheatre. A cada ano, a feira começa no final de semana do Dia do Trabalho e continua por sete finais de semana, aberta aos sábados e domingos, bem como no Dia do Trabalho e no Dia de Colombo. A feira começou em 1977 como um benefício para o Kansas City Art Institute e tornou-se um evento independente no final dos anos 1990. Atualmente, a feira conta com 165 estandes e 13 palcos, recebendo 180.000 visitantes anualmente em 16 dias de funcionamento. [1]

Festival do Renascimento de Kansas City
GêneroFeira renascentista
datasAbre o fim de semana do Dia do Trabalho
Localizações)Bonner Springs, Kansas,
Estados Unidos
Inaugurado1977
Comparecimento185.000 (média)
Área16 acres (6,5 ha)
Estágios20
Local na rede Internet kcrenfest.com

Mantendo seu início artístico, KCRF possui mais de 150 lojas e vendedores, muitos dos quais vendem artesanato e obras de arte originais. O local em si é artístico, com ruas sinuosas e arborizadas, murais pintados e prédios espalhados por faixas e lindamente decorados. Em particular, o Instituto de Artes Históricas e Educacionais (IHEA) mantém uma grande presença. Seus artesãos demonstram uma variedade de técnicas de confecção de tecidos, madeira e metal, até mesmo operando uma oficina de ferreiro totalmente funcional. A KCRF oferece um tour gratuito da história viva, no qual os clientes podem ver alguns desses artesãos trabalhando, bem como ouvir apresentações de personagens fantasiados sobre arte, ciência, medicina e guerra renascentistas.


História

Abaixo está uma breve história da cidade de Wyandotte. Para obter mais informações, fotografias e informações de arquivo sobre a cidade de Wyandotte podem ser obtidas entrando em contato com o Wyandotte Museums Office em: 734-324-7297, museum @ wyan.org, ou visitando
seu site.

A área que se tornou a cidade de Wyandotte foi colonizada pela primeira vez em 1732 por um ramo da tribo Huron conhecido como Wyandots.

Os Wyandots chegaram pela primeira vez de Ontário, Canadá, quando seus aliados franceses fundaram Detroit. Os Wyandots seguiram o rio Detroit 10 milhas ao sul e fundaram uma vila chamada Maquaqua.

O primeiro colono não nativo permanente na área foi o major John Biddle. Ele foi oficial do Exército dos EUA durante a Guerra de 1812 e prefeito da cidade de Detroit. Seu terreno estava localizado na área de Biddle Avenue e Vinewood Avenue. Ele chamou sua fazenda de & ldquoThe Wyandotte & rdquo em homenagem a seus vizinhos ao sul. Quando outros colonos chegaram à área, eles começaram a se referir à área como Wyandotte. É da fazenda Biddle & rsquos que a cidade de Wyandotte deriva seu nome.

12 de dezembro de 1854 marca a data da fundação da Vila de Wyandotte, que coincide com a fundação da primeira indústria de Wyandotte & rsquos, a Eureka Iron Works. Em 26 de maio de 1865, a Eureka Iron Works foi a primeira usina nos Estados Unidos a produzir aço usando o Processo Bessemer. Este método foi a base da revolução industrial e a chave para fazer aço de alta qualidade em grandes quantidades. Infelizmente, a Eureka Iron Works sofreu uma explosão na caldeira e um incêndio em 1888, do qual nunca se recuperou.

A Vila de Wyandotte tornou-se oficialmente a Cidade de Wyandotte em 8 de abril de 1867. Alguns anos depois desse evento, em 1871, os Estaleiros Wyandotte começaram a operar. Os estaleiros produziram muitos cascos, incluindo o famoso e veloz barco de passageiros, o Tashmoo e o Columbia, um dos barcos Bob-Lo. O Estaleiro permaneceu em operação até 1922.

No início de 1890, um homem chamado Capitão J.B. Ford viajou para Wyandotte para investigar os relatos de depósitos de sal encontrados aqui. O capitão Ford estava interessado no sal para produzir carbonato de sódio, um produto químico necessário na fabricação de vidros laminados. Tendo encontrado sal em quantidade e qualidade suficientes, a Ford criou a Michigan Alkali Company
para processar os produtos químicos de que precisava. Além disso, ele fundou a J.B. Ford Company para processar ainda mais o carbonato de sódio em vários sabonetes e produtos de limpeza vendidos comercialmente. Essas e outras fábricas de produtos químicos formaram uma indústria duradoura em Wyandotte que continua até hoje. Em 1969, o gigante químico B.A.S.F. comprou a Michigan Alkali Company e a J.B. Ford Company (que foram fundidas na década de 1930) quando abriram o capital com suas ações. B.A.S.F. continua as operações em Wyandotte até hoje.

À medida que as outras comunidades do subúrbio do sul de Detroit cresceram ao redor, Wyandotte e rsquos à beira do rio e outros encantos atraem continuamente pessoas de todo o mundo. Ao longo dos anos, Wyandotte espelhou o resto do país com várias ondas de populações de imigrantes se mudando para a área em busca de empregos e comunidade. Grande parte da cultura da cidade é influenciada pelos imigrantes alemães, irlandeses, italianos e poloneses.

A cidade tem vários festivais durante o ano, incluindo a Heritage Event Series (destacando a cultura e a história), a Wyandotte Street Art Fair (a segunda maior do estado), The Independence Day Parade, Holiday Parade, Movie Nights, Wyandotte Third Friday Events e Mercados do centro da cidade. Também se encontram na cidade muitos estúdios de arte, galerias e boutiques. Houve muitos grupos locais de artes visuais e performáticas em Wyandotte desde o início. Atualmente a Acanthus Art Society é a mais antiga, tendo sido fundada em 1932. A cidade também possui um campus cultural que inclui o Museu Wyandotte. O Museu é composto por três casas restauradas para um aspecto adequado à época.

A cidade de Wyandotte é uma comunidade no sudeste de Michigan, Condado de Wayne, com cerca de 28.000 cidadãos. A cidade fica a dezesseis quilômetros ao sul da cidade de Detroit e fica ao longo do rio Detroit. Com uma usina de água e energia de propriedade municipal, a cidade pode fornecer serviços às empresas que operam aqui.

À medida que a cidade avança, ela permanece comprometida em preservar o passado e celebrar a cultura e a história únicas que constituem a cidade de Wyandotte.


Índios Wyandot

O povo Wyandot vivia originalmente no sul de Ontário. Eles também eram chamados de Hurons, mas eles se chamavam de & quotWendat & quot, que com o tempo se tornou & quotWyandot & quot ou & quotWyandotte & quot. Baía. Alguns vieram morar no norte de Ohio. Eles construíram suas principais aldeias nos condados de Wyandot, Marion e Crawford, mas viveram no norte de Ohio e no sul até o condado de Ross. Como os algonquinos, os Wendat eram uma confederação de vários povos que falavam as línguas wyandot, relacionadas com a língua iroquesa.

Os Wyandots tinham uma amizade especial com a tribo Shawnee. Eles se referiam à tribo Shawnee como seu "sobrinho" ou "irmão mais novo". Suas alianças com outros povos indígenas americanos no Território de Ohio mudaram com o tempo.

Os Wyandots eram aliados dos franceses até que os comerciantes britânicos se mudaram para Ohio Country por volta de 1740. Os franceses expulsaram os britânicos de Ohio, e os Wyandots tornaram-se aliados dos franceses novamente até a vitória britânica na Guerra Francesa e Indiana. Mas quando os entrepostos comerciais franceses se transformaram em fortes britânicos, as tribos de Ohio se uniram para lutar contra os britânicos na rebelião de Pontiac em 1764. Durante a Revolução Americana, os Wyandots lutaram pelos britânicos contra os americanos. Quando os britânicos se renderam, os índios americanos foram deixados para lutar contra os americanos por conta própria.

De acordo com o registro histórico anglo-americano, os Wyandot eram considerados guerreiros ferozes. O coronel William Crawford liderou uma expedição contra a cidade Wyandot em Upper Sandusky em 1782. Seu exército foi derrotado e os Wyandot capturaram Crawford e o queimaram na fogueira. A tradição anglo-americana afirma que o general Anthony Wayne certa vez ordenou ao capitão William Wells que fosse à cidade indígena americana em Upper Sandusky e trouxesse um prisioneiro que poderia lhes contar sobre os planos dos índios americanos. O capitão Wells respondeu que "poderia trazer um prisioneiro, mas não de Sandusky, porque não havia ninguém além de Wyandots em Sandusky e eles não seriam capturados com vida".

O General Anthony Wayne derrotou os Wyandots e outros povos índios americanos de Ohio na Batalha de Fallen Timbers em 1794. Os Wyandot entregaram a maior parte de suas terras em Ohio com a assinatura do Tratado de Greenville. Terras no sudeste de Michigan e no noroeste de Ohio foram cedidas com o Tratado de Detroit em 1807.


Wyandotte County Fair

Comemore a herança agrícola e a vida rural enquanto observa tratores puxando e porcos correndo. Sinta os aromas de pipoca doce e delicie-se com todos os ingredientes fritos: salsichas, Oreos fritos e bolos de funil. Tudo isso e muito mais pode ser encontrado na feira anual do condado de Wyandotte, voltada para famílias.

A Wyandotte County Fair foi fundada em 1863 e custou apenas 25 centavos para participar de seu primeiro ano. A feira foi realizada em uma variedade de lugares até se estabelecer em sua residência permanente em 2011, na 137th e Polfer Road, no condado de Western Wyandotte. A feira anual normalmente dura cinco dias, de terça a sábado, em meados de julho.

Você sabia que muitos artistas famosos lançaram suas carreiras através desta feira, incluindo Garth Brooks, que se apresentou na Wyandotte County Fair em 1990? Entretenimento ao vivo sempre foi um dos pilares da feira do condado, incluindo exposições 4-H, gado, zoológicos, concessões e vendedores de artes e artesanato. Nos anos mais recentes, as emoções das corridas na lama e dos passeios de carnaval selvagem se tornaram grandes atrativos de multidões. You & rsquoll também encontra promoções noturnas, como carnaval-pulseira, eventos Free State, corridas de kart, corridas de porcos e muito mais.

O terreno não é apenas o lar da feira anual de verão, mas também hospeda vários eventos ao longo do ano, incluindo shows vintage, vendas de celeiros e eventos comunitários. O celeiro de eventos tem uma planta baixa aberta de 22.000 pés quadrados, excelente para conferências, feiras de negócios e eventos privados. O terreno também tem três pavilhões de piquenique com energia e água proporcionando um ótimo local para retiros de acampamento.

O Wyandotte County Fairgrounds planeja expandir em um futuro próximo. Assim que todas as fases forem concluídas, o recinto da feira terá uma mostra de gado e instalação de venda, um parque de tiro de espingarda de última geração com armadilhas, skeet e campos de 5 estandes que serão abertos ao público, um parque para trailers e barracas de camping durante o ano - ao redor de trilhas para caminhada, quadras esportivas e de futebol juvenil, futebol e basquete, tornando o local um centro de atividades o ano todo.


WYANDOTTE COUNTY MUSEUM

Próximos programas de 2014

9 de maio, 18h30: Tour de ônibus do cemitério

Domingo, 22 de junho: Programa Trimestral

Sexta-feira, 5 de setembro às 18h: Recepção de abertura do Bracero

Domingo, 14 de setembro: Programa Trimestral

Sexta-feira, 26 de setembro às 18h30: Noite de cinema no Museu: Incidente na Fronteira (1949, MGM)

Sábado, 18 de outubro, das 14h às 17h: Halloween History Howl

Sexta-feira, 24 de outubro às 19h: Haunted WyCo History Bus Tour, reserva antecipada necessária

Sexta-feira, 25 de outubro às 19h: Haunted WyCo History Bus Tour, reserva antecipada necessária


Wyandotte County Fair - História

Localizada no condado de Ottawa, Wyandotte fica a aproximadamente uma milha ao sul da Rodovia 60 dos Estados Unidos na ferrovia Burlington Northern-Santa Fe, doze milhas a sudeste de Miami, a sede do condado. O nome da cidade homenageia a tribo Wyandotte, removida para a área em 1867. Em 1869, a Sociedade de Amigos (Quakers) estabeleceu uma missão nas proximidades. O Conselho Tribal de Wyandotte doou terras para os quacres, com a aprovação do comissário de Assuntos Indígenas, para operar um internato para as crianças Seneca, Wyandotte e Shawnee. Em 1871 começou a construção do campus, com aulas começando em 1872. O governo federal continuou a exercer controle crescente sobre a escola, administrando-a completamente até o século XX, embora os Amigos continuassem a apoiá-la com presentes. Teve vários nomes, incluindo Wyandotte Mission, Seneca Indian School, Seneca, Shawnee e Wyandotte Industrial Boarding School e Seneca Boarding School. Fechou em 1980. Após a morte do chefe da Agência Quapaw, Edward Goldberg, em outubro de 1900, a agência se reorganizou com o superintendente da escola Sêneca, também desempenhando as funções de agente indiano. A sede da Agência Quapaw mudou-se para o campus, mas em 1920 foi separada em duas agências com uma em Miami. Eventualmente, a agência se consolidou em Miami.

Em 1871, a Atlantic and Pacific Railroad (adquirida pela St. Louis e San Francisco Railway em 1876) estabeleceu trilhos na área. Em 1876, o correio de Prairie City (estabelecido em 1872) mudou-se três milhas a leste para apresentar Wyandotte e mudou seu nome para Grand River. Depois que a tribo Wyandotte terminou o processo de distribuição, Grand River mudou sua designação para Wyandotte em 1894. A Associação Wyandotte, com os membros da tribo Silas Armstrong (presidente) e A. J. Mudeater (vice-presidente) como líderes, alugou terras de allottees para a cidade. Antes disso, o Agente Indiano Quapaw alegou que Wyandotte consistia em uma agência dos correios e algumas casas. A cidade foi planejada em 1895, com a pesquisa aprovada pelo Tribunal Distrital do Norte dos Estados Unidos do Território Indiano em 1896. Em 1900, a população era de 224 habitantes, e um dicionário geográfico do Território Indiano de 1901 observou que a cidade incorporada tinha seis armazéns gerais, dois hotéis, duas librés, um ferreiro, um moinho de farinha, uma chapelaria, um mercado de carnes e uma farmácia. Naquele ano, um triturador de rochas operou uma milha a oeste da cidade. Em 1910, a população era de 255, e a comunidade havia adicionado um banco, uma fábrica de rolos, uma serraria e um jornal, o Ottawa County Courier. A escola da missão imprimiu o primeiro jornal da vizinhança, O Hallequah, em 1879 e em 1900 W. Innis Torberts publicou o breve Metodista Indiana.

Em 1920, o censo federal registrou 274 residentes e em 1930, 271. De 1922 a 1927, Mamie Foster serviu como prefeito, e o marechal da cidade, bem como a maioria dos outros funcionários da cidade, eram mulheres. Em 1940, a Autoridade da Grande Barragem do Rio completou a Barragem de Pensacola, criando o Lago O 'the Cherokees, conhecido como Grande Lago. Seu apêndice mais ao norte ocupou uma parte das terras agrícolas, comerciais e residenciais de Wyandotte. O lago adicionou dólares turísticos e um conjunto habitacional à beira do lago. Em 1940, a população havia subido para 348, mas caiu drasticamente para 242 em 1950. Em 1955, o banco da cidade ainda perseverava, e lojas de varejo, postos de serviço e mercearias dominavam o setor comercial. Em 1966, como planejava um distrito rural de águas, a cidade não encontrou nenhum registro de incorporação. Os residentes solicitaram ao Conselho de Comissários do Condado de Ottawa a aprovação de uma eleição e votaram pela incorporação em abril de 1966. A população tem aumentado lentamente, chegando a 336 em 1980 e a 366 em 1990. Em 1980, o Burlington Northern comprou a ferrovia de Frisco, que continuou a servir ao comunidade.

Em 1909, a primeira escola pública foi aberta e, em 1921, tornou-se o Distrito Escolar Consolidado Número Um do Condado de Ottawa. Em 2000, o distrito escolar de Wyandotte matriculou 765 no jardim de infância até a décima segunda série. Ex-alunos da Escola Indígena Seneca realizam uma reunião anual na cidade, e a tribo Wyandotte hospeda outras nações da antiga Agência Quapaw em um banquete anual de milho verde nas proximidades. A população de 2000 era de 363, mas em dez anos o número caiu para 333.

Bibliografia

Arrell M. Gibson, "Wyandotte Mission: The Early Years, 1871–1900," As Crônicas de Oklahoma 36 (verão de 1958).

Nadine Grant e Della Vineyard, comps., História de Wyandotte, Oklahoma (Miami, Okla .: Timbercreek Ltd., 1987).

Velma Nieberding, A História do Condado de Ottawa (Miami, Okla: Walsworth Publishing Co., 1993).

Nenhuma parte deste site pode ser interpretada como de domínio público.

Direitos autorais de todos os artigos e outros conteúdos nas versões online e impressa do The Encyclopedia of Oklahoma History é realizada pela Oklahoma Historical Society (OHS). Isso inclui artigos individuais (direitos autorais para OHS por atribuição do autor) e corporativamente (como um corpo completo de trabalho), incluindo web design, gráficos, funções de pesquisa e métodos de listagem / navegação. Os direitos autorais de todos esses materiais são protegidos pelas leis dos Estados Unidos e internacionais.

Os usuários concordam em não baixar, copiar, modificar, vender, arrendar, alugar, reimprimir ou de outra forma distribuir esses materiais, ou criar links para esses materiais em outro site, sem autorização da Oklahoma Historical Society. Os usuários individuais devem determinar se o uso dos Materiais se enquadra nas diretrizes de & quotFair Use & quot da lei de direitos autorais dos Estados Unidos e não infringe os direitos de propriedade da Oklahoma Historical Society como o detentor legal dos direitos autorais de The Encyclopedia of Oklahoma History e parte ou no todo.

Créditos das fotos: todas as fotografias apresentadas nas versões publicadas e online de The Encyclopedia of Oklahoma History and Culture são propriedade da Oklahoma Historical Society (salvo indicação em contrário).

Citação

O seguinte (de acordo com The Chicago Manual of Style, 17ª edição) é a citação preferida para artigos:
Larry O'Dell, & ldquoWyandotte (cidade), & rdquo The Encyclopedia of Oklahoma History and Culture, https://www.okhistory.org/publications/enc/entry.php?entry=WY002.

& # 169 Oklahoma Historical Society.

Sociedade Histórica de Oklahoma | 800 Nazih Zuhdi Drive, Oklahoma City, OK 73105 | 405-521-2491
Índice do site | Contate-nos | Privacidade | Sala de Imprensa | Consultas do site


Conteúdo

Fase 1 incluiu a abertura de 12 atrações aquáticas, 3 restaurantes e 2 lojas. Dessas atrações, três foram adquiridas no antigo parque de diversões Geauga Lake, em Ohio. [1] Fase 2, denominada Resort de férias na vila de Schlitterbahn foi originalmente planejado para incluir mais de 1.000 quartos de hotel, uma loja de artigos esportivos Scheels e uma área de Riverwalk consistindo de lojas e restaurantes em 300 acres ao redor do parque aquático. Esses planos foram paralisados ​​e eventualmente abandonados devido à Grande Recessão em curso. [2] Uma expansão do parque aquático foi inaugurada em 30 de abril de 2011, com seis novas atrações.

Edição de Verrückt e acidente

Em novembro de 2012, o Schlitterbahn Waterpark anunciou planos para o toboágua mais alto e mais rápido do mundo, Verrückt. [3] Projetado pelo coproprietário da Schlitterbahn, Jeff Henry, Verrückt era um escorregador de balsa para três pessoas com uma seção em aclive. A queda inicial foi um mergulho de 17 andares com uma subida de cinco andares. Com 168 pés e 7 polegadas (51,38 m), [4] o ponto de partida era mais alto do que as Cataratas do Niágara [5] e atingiu uma velocidade máxima de 65 milhas por hora (105 km / h). Foi inaugurado em 10 de julho de 2014, após vários atrasos. [6]

Em 7 de agosto de 2016, Caleb Schwab, filho de 10 anos do representante do estado do Kansas, Scott Schwab, morreu enquanto cavalgava em Verrückt. A morte ocorreu quando a jangada em que ele se encontrava voou na parte inferior da saliência e atingiu um suporte de metal da rede, decapitando-o. [7] [8] Os outros dois passageiros, ambas mulheres, ficaram feridos no incidente - um sofreu uma fratura na mandíbula, enquanto o outro sofreu uma fratura do osso facial e precisou de pontos. [9] Imediatamente após o desastre, o parque foi fechado enquanto se aguardava uma inspeção. [7] [10] Embora o parque tenha reaberto três dias depois, a atração permaneceu fechada. [9] [11] [12]

Uma investigação descobriu que o menino, que pesava 74 libras (34 kg), foi autorizado a sentar-se na frente da balsa, em vez de ficar entre as duas mulheres que o acompanhavam - uma pesava 275 libras (125 kg), enquanto a outra pesava 197 libras (89 kg). [13] Isso levou a uma distribuição de peso desigual que contribuiu para a jangada ir para o ar, apesar do peso cumulativo de 546 libras (248 kg), menos do que o peso máximo recomendado de 550 libras (250 kg). [13] Os engenheiros que inspecionaram o passeio também comentaram que a rede do passeio, usada em áreas onde os pilotos viajam até 70 milhas por hora (110 km / h), "representava seu próprio perigo porque um piloto se movendo em alta velocidade poderia facilmente perder um membro se acertarem ". [14] Suas descobertas revelaram que o uso da cinta de metal e sistema de rede no projeto, [15] junto com o uso de cintas de velcro para conter os ciclistas, [16] ia contra as diretrizes estabelecidas pelo Comitê F-24 da ASTM em passeios de diversões e dispositivos. [17] De acordo com as diretrizes, Verrückt deveria ter incorporado o uso de uma restrição rígida sobre o ombro para os passageiros, [16] e um mecanismo de parada para evitar que as jangadas voassem. [18]

Depois Editar

Em 2018, a última temporada de operação do parque, quatro atrações permaneceram fechadas ao longo da temporada depois que uma auditoria pelos reguladores descobriu que cada uma delas não cumpria com a Lei de Diversões de Kansas. [19]

A demolição de Verrückt começou em 1º de novembro de 2018. O parque não foi aberto para a temporada de 2019.

Em 13 de junho de 2019, a Cedar Fair concordou em comprar os dois parques de Schlitterbahn em New Braunfels e Galveston por um preço de US $ 261 milhões. Além disso, a Cedar Fair teve a opção de até 120 dias para comprar o local de Kansas City "por um adicional de $ 6 milhões". [20] A Cedar Fair não buscou a compra da propriedade dentro desses 120 dias e o parque permanece de pé, mas não está operando.

Em 6 de novembro de 2020, a Homefield LLC assinou um acordo com o Governo Unificado do Condado de Wyandotte e Kansas City, Kansas para financiar a reconstrução do antigo lote Schlitterbahn por US $ 90 milhões em um complexo esportivo amador. Os planos previam a demolição total das estruturas restantes de Schlitterbahn, que deveria começar antes de julho de 2021. [21] O prédio adjacente do Wyandotte County Courthouse Annex foi demolido no início de fevereiro de 2021. [22]


Kansas State Records

O Kansas Bureau of Investigation publica dados estatísticos anuais sobre crimes como parte do Programa Uniforme de Relatórios de Crimes do FBI & # x27s. De acordo com relatórios de 2018, as agências de aplicação da lei no condado de Wyandotte relataram um total líquido de 8.920 crimes de índice de crime, colocando a taxa de crimes por 1.000 em 54,2. Os crimes contra a propriedade representaram 86% dos crimes denunciados, sendo o roubo o crime mais recorrente com 5.166 ocorrências. Roubo e furto de veículos motorizados ficaram em segundo e terceiro lugar em frequência, com 1.506 e 1.047 incidentes relatados, respectivamente.

Uma análise posterior revelou que a agressão agravada é o crime violento mais recorrente e a quarta ofensa mais comum com 759 incidentes relatados, enquanto os crimes de roubo e estupro seguiram atrás com 285 e 114 incidentes, respectivamente. No geral, o assassinato foi registrado como o crime menos relatado, com 43 incidentes confirmados no ano.

Registros Criminais

O Wyandotte County Sheriff & # x27s Office é responsável por manter a lei e a ordem dentro dos limites do condado e tem a tarefa de manter registros de atividades criminosas e coletar dados relacionados ao crime do condado. Como parte de suas funções, o escritório processa solicitações de registros de antecedentes criminais e verificações de antecedentes de residentes do condado. No entanto, o Kansas Bureau of Investigation mantém o repositório central de informações de histórico criminal e, portanto, fornece registros criminais em todo o estado para as pessoas interessadas. Em última análise, os registros criminais podem ser obtidos nos níveis estadual e municipal.

Como obter registros criminais

A Unidade de Registros do Wyandotte County Sheriff & # x27s Office processa solicitações de informações de antecedentes criminais e verificações de antecedentes de residentes do condado. O escritório fornece registros não confidenciais de prisões, delitos de contravenção e acusações, bem como o histórico de condenações do sujeito da solicitação. As pessoas interessadas podem obter esses registros consultando o escritório do xerife pessoalmente; no entanto, a parte solicitante deverá fornecer o nome, sexo e data de nascimento do sujeito, bem como pagar quaisquer taxas de pesquisa e cópia aplicáveis. A Unidade de Registros faz parte da Divisão de Apoio Comunitário e Serviços do Sheriffs Office e está localizada em:

710 N. 7th St.,
Kansas City, KS 66101
Telefone: (913) 573-2861
Faxe: (913) 573-2802

Como encontrar informações sobre criminosos sexuais

Os criminosos sexuais condenados residentes no condado de Wyandotte devem ser registrados pelo County & # x27s Sheriff Office e todas as informações públicas sobre os criminosos são reunidas e publicadas no Registro de Ofensores Sexuais do Estado do Kansas, conforme previsto pelas leis federais. As pessoas interessadas podem ver todos os criminosos sexuais do Condado de Wyandotte no Registro usando as ferramentas de pesquisa disponíveis para filtrar os criminosos por nome, código postal, endereço, número de registro do criminoso e proximidade de vários locais dentro do condado.

Onde e como obter informações de presidiários e cadeias

O Wyandotte County Sheriff & # x27s Office supervisiona os assuntos do County Detention Center e mantém registros das preocupações dos presidiários e da prisão. Informações sobre o Centro de Detenção podem ser obtidas consultando o escritório do xerife do condado & # x27s ou a equipe do centro de detenção pelo telefone (913) 573-2861. Além disso, as informações sobre os atuais e ex-presidiários do centro podem ser obtidas usando o aplicativo Wyandotte County Detention Center. Os presos podem ser pesquisados ​​por nome ou data de nascimento para obter informações sobre suas acusações principais, detentos, condição de fiança / caução, informações de encarceramento e datas de tribunal.

Registros do tribunal

Onde e como obter registros judiciais

Os registros judiciais de casos ouvidos pelo Tribunal Distrital de Wyandotte e outros tribunais menores são normalmente mantidos pelo escritório do Escriturário do Tribunal Distrital e do Administrador do Tribunal. Para recuperar cópias dos registros do tribunal, as pessoas interessadas podem consultar os escritórios ou o tribunal pessoalmente ou por correio.

Os pedidos pessoais normalmente exigem que o solicitante forneça informações sobre o registro no local, no entanto, os pedidos por correio e por escrito devem indicar detalhes do registro solicitado, incluindo o nome do autor / réu, a data em que o caso foi aberto e arquivado, bem como o número do arquivo do caso. As solicitações podem ser feitas para:

Tribunal do condado de Wyandotte,
710 N 7th St
Kansas City, KS 66101
(913) 573-5000

Localização dos tribunais no condado

Listados abaixo estão os endereços e informações de contato de todos os tribunais do condado de Wyandotte, Kansas:

Tribunal Distrital do Condado de Wyandotte
710 North 7th Street,
Kansas City, KS 66101
Telefone: (913) 573-2901
Faxe: (913) 573-4134

Tribunal Municipal de Bonner Springs
130 North Nettleton Avenue,
P.O. Box 376,
Bonner Springs, KS 66012
Telefone: (913) 422-7800
Faxe: (913) 422-1395

Tribunal Municipal de Edwardsville
690 South 4th Street,
P.O. Box 13738,
Edwardsville, KS 66113
Telefone: (913) 441-3707 ramal 30
Faxe: (913) 422-2503

Tribunal Municipal de Kansas City
Câmara Municipal
701 North 7th Street,
Suite 232,
Kansas City, KS 66101
Telefone: (913) 573-5200
Faxe: (913) 573-5210

Onde e como obter registros de propriedade

Os registros do Wyandotte County Register of Deeds Office mantêm documentos como gravames, escrituras, documentos de hipoteca, registros de terras, parcelas e outros registros relativos à propriedade de terras e imóveis. Todos os documentos registrados pelo escritório são registros públicos e estão disponíveis para os membros interessados ​​do público. Para solicitar esses registros, as pessoas interessadas podem visitar o escritório ou enviar uma solicitação de cópia pelo correio junto com um cheque ou ordem de pagamento de $ 13 para cópias autenticadas mais $ 1 por página do documento solicitado. Os pedidos por correio devem indicar o nome do proprietário, concedente ou mortgagor, bem como uma descrição legal da propriedade.

As solicitações devem ser feitas a:

Registro de ações do condado de Wyandotte
Courthouse 710 N 7th St,
Suíte 100 Kansas City, KS 66101
Telefone: (913) 573-2841
Faxe: (913) 321-3075

Registros vitais

Os registros vitais do estado do Kansas são gerenciados e emitidos pelo Departamento de Saúde e Meio Ambiente do Kansas, que atua como um repositório estadual de certidões de nascimento, óbito, casamento e divórcio. No nível do condado, os registros de divórcios são mantidos pelo escritório do secretário do Tribunal Distrital, no entanto, os registros de nascimento, óbito e casamento não são mais emitidos pelo secretário do condado, mas podem ser obtidos no nível estadual.

Onde e como obter registros de divórcio

Os registros de divórcios concedidos pelo Tribunal Distrital de Wyandotte são gerenciados pelo escritório do Secretário do Tribunal Distrital e pelo Administrador do Tribunal. Essas cópias estão disponíveis para acesso público e podem ser fornecidas a pessoas interessadas que podem fornecer detalhes do divórcio, incluindo os nomes dos divorciados, a data do divórcio e o número do processo do registro. As pessoas interessadas solicitam o registro consultando o escritório pessoalmente ou via correio em:

Tribunal do condado de Wyandotte,
710 N 7th St
Kansas City, KS 66101
(913) 573-5000

Onde e como obter registros de casamento

Os pedidos de registros de casamento do condado de Wyandotte são processados ​​pelo Vital Statistics Office do Departamento de Saúde e Meio Ambiente do Kansas. As pessoas interessadas devem saber e fornecer informações relevantes sobre o casamento e os cônjuges, bem como fornecer as taxas aplicáveis ​​antes de acessar o registro solicitado. Os pedidos para esses registros podem ser feitos ao escritório, preenchendo e enviando um pedido de certidão de casamento ao escritório, juntamente com as cópias de identificação indicadas e pagamento para:

Escritório de Estatísticas Vitais
Edifício Curtis State Office
1000 SW Jackson, Suite 120
Topeka, KS 66612-2221

Onde e como obter registros de nascimento e óbito

As certidões de nascimento e óbito do estado do Kansas não são registros públicos e só podem ser obtidas por um dos seguintes:

  • O registrante
  • Os pais, tutor legal e família imediata do sujeito do registro
  • Pessoas legalmente autorizadas
  • O executor do espólio do sujeito e a equipe autorizada de sua agência funerária.

Os registros de nascimento e óbito do condado de Wyandotte podem ser obtidos pessoalmente ou por correio no escritório de estatísticas vitais do Departamento de Saúde do Kansas. Para solicitar qualquer um dos registros, a parte solicitante deve preencher uma Solicitação de Certidão de Nascimento de Kansas ou uma Solicitação de Certidão de Óbito de Kansas. O solicitante deve anexar uma cópia do documento de identidade indicado (consulte os formulários), bem como as taxas indicadas (ordem de pagamento ou cheque). O pedido pode então ser feito pessoalmente ou enviado por correio para:

Escritório de Estatísticas Vitais
Edifício Curtis State Office
1000 SW Jackson, Suite 120
Topeka, KS 66612-2221


Wyandotte County Fair - História

T. J. LYONS. - Aquele cujo nome é a legenda deste artigo conseguiu obter um lugar importante para si mesmo no mundo dos negócios de Kansas City, Kansas, onde atua atualmente no ramo imobiliário, em 1911. O próprio Sr. Lyons construiu a escada pela qual subiu para a afluência e, em vista desse fato, seu esplêndido sucesso é mais gratificante de contemplar. O sucesso ao longo de qualquer linha de esforço não seria proporcional[sic] apreciado se veio com um único esforço e desacompanhado de algumas dificuldades. Persistência e determinação para seguir em frente caracterizaram todos os esforços do Sr. Lyons e sua carreira, mas acentuam o fato de que o sucesso virá para aqueles que unem cérebros com ambição e estão dispostos a trabalhar.

Nativo da bela Ilha Esmeralda, TJ Lyons nasceu no condado de Limerick, Irlanda, em 14 de outubro de 1868, e é filho de TJ e Joe (Ford) Lyons, ambos nascidos no condado de Limerick, Irlanda. O pai idoso ainda mora na velha fazenda na Irlanda e sua querida e devotada esposa passou para a vida eterna em 1910, em uma idade venerável. Of the eleven children born to Mr. and Mrs. T. J. Lyons nine are living at the present time and of the number the subject of this review was the first born. T. J. Lyons, Sr., has been engaged in farming operations during practically his entire active career and in his religious faith he is a devout communicant of the Roman Catholic church.

T. J. Lyons, Jr., was reared to the invigorating discipline of the old home farm in his native land, in the work and management of which he early became associated with his father. His preliminary educational training consisted of such meager advantages as were afforded in the schools of the locality in which he lived. When seventeen years of age he became restless to see something of the world, and with that object in view he ran away from home and worked his passage to America on a cattle steamship, which had for its final destination the city of Baltimore, Maryland. For a time after his arrival in this country he was in the employ of the Baltimore & Ohio Railroad Company, working as a section hand. He then met Mr. John Kelly, superintendent of a division of the Baltimore & Ohio Railroad in Ohio and an old friend of Mr. Lyons' father. Mr. Kelly obtained a position for T. J. Lyons in a machine shop in Ohio, where he continued to work until he was finally made assistant time keeper. While holding this position Mr. Lyons attended night school, continuing so to do for a period of three years, at the expiration of which he removed to Des Moines, Iowa, where he also attended night school and where he worked for the Chicago, Burlington & Quincy Railroad as a fireman up to the time of the engineers' and fireman's strike in 1888. Mr. Lyons then severed his connection in Des Moines and removed to Kansas City, Missouri, where he secured a position with the Kingman Packing Company, managing to thoroughly familiarize himself with the various branches of the meat packing business. With the passage of time he was placed in charge of the retail and wholesale market of the above company, retaining that position for four years, during which time he was also a studious attendant in night school. In 1892 he decided to launch out into business on his own account and in that year opened a retail meat market and grocery store, his place of business having been located on Summit street in Kansas City, Missouri. In 1893, however, he disposed of that business and opened a saloon in the same city, later conducting a saloon in Kansas City, Kansas. He never grew very enthusiastic about the saloon business, however, and eventually disposing of his establishment he turned his attention to real estate operations, in which line of enterprise he has since been engaged and in which he has achieved unusual success. In addition to his various transactions for outside people he is himself an extensive property owner and a great deal of his attention is devoted to his individual interests along this line.

In 1891 was recorded the marriage of Mr. Lyons to Miss Katherine Griffin, who was born and reared in the state of Kentucky and who is a daughter of Thomas and Johanna (Collins) Griffin, the former of whom was born in Limerick county, Ireland, and the latter of whom was a native of the old Blue Grass commonwealth. Mr. and Mrs. Griffin, are both deceased, he having been summoned to the life eternal in 1907, and she having passed away in 1904. They were the parents of ten children, seven of whom are now living. Thomas Griffin came to the United States as a young man and he located in Kentucky, where he engaged in agricultural pursuits and where was solemnized his marriage. Subsequently he disposed of his farm in Kentucky and removed to Kansas, whore he purchased a fine estate and where he passed the residue of his life. He was a communicant of the Roman Catholic church and in politics was an unswerving advocate of the cause of the Democratic party. Mr. and Mrs. Lyons became the parents of five children, one of whom, Irene, died at the age of two years. The others are Theodore J., Marie T., Genevieve and Rosie. They have also adopted a small boy whose name is Manus Donagon and whom they are rearing and educating as their own child.

In politics Mr. Lyons endorses the cause of the Democratic party and he is ever on the alert and enthusiastically in sympathy with all measures and enterprises advanced for the good of the general welfare. He was elected a member of the city council and was re-elected to that office. During his second term as city councilman he had charge of the street cleaning in Armourdale. In 1908 he was further honored by his fellow citizens in that he was then elected county commissioner, of which office he is the present, able and popular incumbent. He is very conscientious in discharging the duties connected with his official position, looking upon a public office as a public trust. He is a man of honor in all the relations of life and as such is everywhere accorded the unqualified confidence and high regard of his fellow men. In their religious faith he and his wife are both devout communicants of the Roman Catholic church and they are liberal contributors both of their time and means to all social, educational and philanthropical projects advanced for the welfare and betterment of their home community and of the county and state at large.

Transcribed from History of Wyandotte County Kansas and its people ed. and comp. by Perl W. Morgan. Chicago, The Lewis publishing company, 1911. 2 v. front., illus., plates, ports., fold. mapa. 28 cm. [Vol. 2 contains biographical data. Paged continuously.]


Resumo

The following excerpts are from District Archives:

Prior to 1882 – There was no free public high school in Wyandott City. The only higher education facility was the Palmer Academy, a subscription school.

1882 – First public high school opened in Riverview School (at current day 7th & Pacific area).

Addition to Riverview School built. High school organized in two rooms of Riverview with John Wherrell as principal and Eugene Rust, assistant.

November. Normal Training department established.

1886 – Wyandotte, Armourdale and old Kansas City, Kansas, consolidated.

1887 – Eleven girls in first graduating class. Increased enrollment. Five extra teachers.

1888 – September. Former Palmer Academy building rented to house some Central School pupils and the high school. Ten-room brick. High school had 246 enrolled. This building was also known as Wyandotte Academy.

December 3. Palmer Academy purchased from trustees of Masonic lodge, Number 3, AF and AM. Property consisted of Lots 1 and 2, part 6, Block 150, Old Wyandotte. Had 82 feet on Seventh Street and 150 feet on Ann.

December 17. Purchased from Dr. George M. Gray. Lot 3, plus 41 feet of Lot 6, Block 150. Frame house on site. This was used as an office for the Board of Education.

1889 – Building overcrowded. Rooms rented in store building for classrooms.

July 8. Architect submitted plans for four-room addition to high school on south and west.

1891 – Board out of funds. Teachers taught until January, 1892, without salary. High school students paid two dollars a month tuition.

1894 – Plans by architect W.W. Rose for addition.

1896 – Enrollment 380. Rooms in neighborhood rented.

1897 – Bond issue for new high school failed.

1898 – December 3. Special election. People voted $75,000 for new school to be located north of Ohio Avenue.

1899 – February 28. Site chosen at northwest corner of ninth and Minnesota. Bought from Therese and Charles Hains about nine or ten lots, Block 119. Survey by J.H. Lasley.

March 13. Contract to J.W. Ferguson for three-story buff brick building, first of three units.

October 2. School occupied. Had 16 teachers and 535 students. G.W. Rose, principal. December 5. Dedication.

1900 – November. K.B. and C.H. Armour, packers, gave $1500 to equip manual training room.

1904 – April 14. Closed several days account of killing of white boy by colored (not a student).

1905 – Colored and white to high school at different periods.

1906 – Colored to Sumner

1907-08 – Addition on north. Fred Meyn, architect.

1910 – Addition on south.

1911 – January 4. ” Kansas City, Kansas High School” chosen as name. (Later, there was opposition to the name as some felt it made it sound as though this was the only high school in Kansas City, Kansas and the Argentine High School and Rosedale High School were in existence.)

1920 – First honor society.

1921 – PTA organized. Mr. Henry Dean, president

1923 – New gymnasium and laboratories on southeast corner, Ninth and State.

March 21. State basketball championship.

April 8. National basketball championship won in Chicago.

1924-25 – Name unofficially changed to Central High School (following annexation of Argentine and Rosedale, each having high schools).

1927 – Site for a new school was looked at on the old Westheight Golf Club Grounds, located 25 th and Minnesota . The option from J.A. Hoel included the Kansas City High School athletic field at 14th and Armstrong (the old Carnival Park location) and contained a trade in for the future Wyandotte High School. (Westheight Historic District)

1928 – January 3: Name formally changed to ” Wyandotte High School.” (The school was formally called Kansas City , Kansas High School and unofficially Central High School in the past.)

1929 – October 26: Stadium on 28-acre site dedicated.

1934 – Fire consumed Wyandotte High School (still being referred to as Kansas City High School by many). After this, high schools students attended in different buildings. The March 4, 1934 K.C. Estrela article refers to the high school as “Wyandotte High School.” On Saturday, March 3, 1934, fire broke out in Wyandotte High School, located at 9 th and Minnesota . The blaze spread through the air shafts to all parts of the building. Through the efforts of Superintendent Schlagle and others, records and valuable articles were rescued. Although plans for a new Wyandotte High School were in the making, the board was not ready yet to build. Problems of housing and finances had to be met. Classes at Central Junior and Northwest Junior were placed on half-day sessions so that high school students could use the buildings in the afternoons. The gymnasium across the street was damaged and junior college students attended there. After a week’s vacation, the high school resumed on March 12th. A Citizens Advisory Committee was appointed to assist with plans for a new building.

1937 – September 10. New building dedicated at 25th and Minnesota. Cost $2.5 million. Governor Walter A. Huxman and Harry A. Woodring, Secretary of War, were speakers. Built under the auspices of the WPA.

1951 – July 10 – Arrangements with both day and night shifts at the building to be ready on call to accept flood evacuees. It developed later than Wyandotte was not the most suitable place for housing. We had pictured large open rooms like the gymnasia being used for bunk areas. It later became evident that better housing could be provided by dividing evacuees into separate rooms. The large proportion of fixed furniture at Wyandotte made it less advantageous than elementary schools having movable furniture.

Mr. Karl A. Reuter of the telephone company was granted permission to use the parking area north of the stadium at Wyandotte High School for telephone service trucks brought in from outside this area. Perry Motor Company , on July 19, was granted permission to park cars in the area west of the stadium and any place not used by the telephone company in the north lot.

Saturday, July 21, the Board of Public Utilities was granted permission to use the space under the stadium for storing electrical supplies.

1961 – March 15 – Dedication of new flag pole.

April 27-28 – Diamond Jubilee program celebrating 75 years as a school.

1975 – New stadium lights, seating and press box.

1976 – New all-weather track.

1985 – December 4 – Wyandotte High School approved by the Kansas historic Sites Board of Review for nomination to the National Register of Historic Places. Listed in the Register of Historic Kansas Places.

1986 – Entered onto the National Register of Historic Places on April 30, 1986. Underground watering system installed in athletic fields, tracks reconstructed to metric system. District Athletic field renamed for Roy A. Edwards, former president of Board of Education.

1993 – Began a Business, Entrepreneurship, Technology Magnet Program. First years serves only grade 9. Program ended in 1997-98/

2003 – Voters approved a proposed $120 million bond issue at the Municipal Election Tuesday (April 3, 2001) to air-condition schools, improve technology, and make other upgrades to schools and public libraries. Wyandotte was part of Phase III, which was completed in the summer of 2003.

2004 – April 8 – Wyandotte hosted a dedication ceremony which included the name of its track after the late Francis (Ted) Swaim, track coach at Wyandotte.

Received a “Great IDEAS” grant (funded/sponsored by the Ewing Marion Kauffman Fund) for the 2004-05 school year, which encourages teachers in SLC’s (Small Learning Communities) to work together to develop innovative programs and projects to improve student learning. Received $2,474.

Principal

1886-90 – John Wherrell (resigned 5 Apr 1890), Eugene A Meade elected / 1890-93 – Eugene A Meade / 1893-1903 – George Rose / 1903-05 – Ward C McCroskey, J M Winslow / 1906-09 – J M Winslow / 1909-12 – H L Miller / 1912-15 – E A White / 1915-19 – W A Bailey / 1919-24 – Clarence T Rice / 1924-26 – J F Wellemeyer / 1946-62 – R C Johnson / 1962-73 – G W Corporon / 1973-84 – Thomas J Rone / 1984-86 – Warren Mason / 1986-91 – Willie Johnson / 1991-96 – Jeffrey Stewart / 1996-2007 – Mr. Walt Thompson 2008-Present – Ms. Mary Stewart

During the 1930’s, America witnessed a breakdown of the Democratic and free enterprise system as the US fell into the worst depression in history. The economic depression that beset the United States and other countries was unique in its severity and its consequences. At the depth of the depression, in 1933, one American worker in every four was out of a job. The great industrial slump continued throughout the 1930’s, shaking the foundations of Western capitalism.

The New Deal describes the program of US president Franklin D. Roosevelt from 1933 to 1939 of relief, recovery, and reform. These new policies aimed to solve the economic problems created by the depression of the 1930’s. When Roosevelt was nominated, he said, “I pledge you, I pledge myself, to a new deal for the American people.” The New Deal included federal action of unprecedented scope to stimulate industrial recovery, assist victims of the Depression, guarantee minimum living standards, and prevent future economic crises. Many economic, political, and social factors lead up to the New Deal. Staggering statistics, like a 25% unemployment rate, and the fact that 20% of NYC school children were under weight and malnourished, made it clear immediate action was necessary.

In the first two years, the New Deal was concerned mainly with relief, setting up shelters and soup kitchens to feed the millions of unemployed. However as time progressed, the focus shifted towards recovery. In order to accomplish this monumental task, several agencies were created. The National Recovery Administration (NRA) was the keystone of the early new deal program launched by Roosevelt. It was created in June 1933 under the terms of the National Industrial Recovery Act. The NRA permitted businesses to draft “codes of fair competition,” with presidential approval, that regulated prices, wages, working conditions, and credit terms. Businesses that complied with the codes were exempted from antitrust laws, and workers were given the right to organize unions and bargain collectively. After that, the government set up long-range goals which included permanent recovery, and a reform of current abuses. Particularly those that produced the boom-or-bust catastrophe. The NRA gave the President power to regulate interstate commerce. This power was originally given to Congress. While the NRA was effective, it was bringing America closer to socialism by giving the President unconstitutional powers. In May 1935 the US Supreme Court, in Schechter Poultry Corporation V. United States, unanimously declared the NRA unconstitutional on the grounds that the code-drafting process was unconstitutional.

Another New Deal measure under Title II of the National Industrial Recovery Act of June 1933, the Public Works Administration (PWA), was designed to stimulate US industrial recovery by pumping federal funds into large-scale construction projects. The head of the PWA exercised extreme caution in allocating funds, and this did not stimulate the rapid revival of US industry that New Dealers had hoped for. The PWA spent $6 billion enabling building contractors to employ approximately 650,000 workers who might otherwise have been jobless. The PWA built everything from schools and libraries to roads and highways. The agency also financed the construction of cruisers, aircraft carriers, and destroyers for the navy.

In addition, the New Deal program founded the Works Projects Administration in 1939. It was the most important New Deal work-relief agency. The WPA developed relief programs to preserve peoples skills and self-respect by providing useful work during a period of massive unemployment. From 1935 to 1943 the WPA provided approximately 8 million jobs at a cost of more than $11 billion. This funded the construction of thousands of public buildings and facilities. In addition, the WPA sponsored the Federal Theater Project, Federal Art Project, and Federal Writers’ Project providing work for people in the arts. In 1943, after the onset of wartime prosperity, Roosevelt terminated the WPA. One of the most well known, The Social Security Act, created a system of old-age pensions and unemployment insurance, which is still around today. Social security consists of public programs to protect workers and their families from income losses associated with old age, illness, unemployment, or death.

he Fair Labor Standards Act (1938) established a federal Minimum Wage and maximum-hours policy. The minimum wage, 25 cents per hour, applied to many workers engaged in interstate commerce. The law was intended to prevent competitive wage cutting by employers during the Depression. After the law was passed, wages began to rise as the economy turned to war production. Wages and prices continued to rise, and the original minimum wage ceased to be relevant. However, this new law still excluded millions of working people, as did social security. However, a severe recession led many people to turn against New Deal policies. In addition, World War II erupted in September 1939. Causing an enormous growth in the economy as war goods were once again in great demand. No major New Deal legislation was enacted after 1938. The Depression was a devastating event in America, and by regulating banks and the stock market the New Deal eliminated the dubious financial practices that had helped precipitate the Great Depression. However, Roosevelt’s chief fiscal tool, deficit spending, proved to be ineffective in averting downturns in the economy.

With gratitude to those person who so graciously donated items from the past, the items have been turned over to the archives in the “Kansa Room” at the Kansas City, Kansas Public Library located at 625 Minnesota Avenue:

The Jayhawker Senior Annual – May 25, 1906
The Quivirian – 1926
The Quivirian – 1928


Assista o vídeo: WYCO FAIR 2011 (Pode 2022).